Boas-Novas para as ilhas!

Boas-Novas

para as ilhas!

 

“Jesus salvou-me do mundo, 
Ele é tão doce pra mim; 
Amor, Lhe tenho, profundo, 
Por Sua graça sem fim; 
Quando ia eu no deserto, 
Sem gozo, paz e sem luz, 
Ele buscou-me, por certo, 
Té que achou-me – Jesus!

 

(Nels Julius Nelson – Harpa Cristã – 311)

 

 

Proclamar o nome do Senhor e Seus feitos é a nossa missão como Igreja. Pois, somente O louvarão, se conheceram as Suas maravilhas, a Sua salvação. Foi isso que aprendemos na nossa caminhada de fé, afinal, como assembleianos, o nosso lema é: Jesus salva, cura, batiza com Espírito Santo e um dia voltará”. Mas, será que a nova geração de assembleianos está aprendendo isso? Como o ardor missionário dos pioneiros está sendo ensinado aos pequeninos? E se a nova geração não for ensinada a amar as almas perdidas e a evangelizá-las, como será o futuro da igreja?

Desde o lançamento do primeiro kit da EBF realizado pela Cedaema por meio da Sedac no ano de 2016, as crianças e pré-adolescentes têm sido apresentadas à realidade missionária de nosso estado. Nós entendemos que, conhecer as histórias de mulheres e homens reais que atuaram como missionários nestas terras, e que contribuíram grandemente para sermos a denominação que somos hoje, engrandece o nome de Deus, e, ao mesmo tempo, desafia a criança e o pré-adolescente a agir em favor da obra missionária, ainda que com poucos recursos e experiência.

Na EBF de 2016 o foco missionário foi a Índia, em seguida, em 2017, uma vez que a temática era: João Jonas – um soldado diferente, a região sertaneja do nosso estado foi o foco; e em 2018, a Bolívia, visto que a história missionária foi: Alcebíades Vasconcelos – antes que a noite chegue, e o mesmo, juntamente com o pastor Túlio Barros Ferreira, foram missionários naquele país. Agora, é a vez das ilhas!

A EBF de 2019 tem como tema: “Um por todos e todos por um!”, e a história missionária será: Nels Nelson – boas-novas para as ilhas! A ênfase será a vida e o ministério desse missionário sueco que amava a evangelização dos ilhéus do arquipélago de Marajó e que nutria uma doce comunhão com o Espírito Santo, dedicando grande parte de suas pregações ao ensino sobre o Espírito Santo e a levar os crentes que lhe ouviam a buscar o “selo da promessa”.

Partindo dessa temática, a Ceadema por meio da Sedac estará realizando neste ano de 2019 uma grande campanha em favor da evangelização das crianças e pré-adolescentes das ilhas de nosso estado, que somam 23, segundo a Secretaria de Planejamento (Seplan-MA). As ilhas já vem sendo foco do trabalho da Semadema por meio do projeto “As ilhas ouvirão”, cujo objetivo é dar visibilidade às carências missionárias das ilhas maranhenses e envidar esforços para o fortalecimento dos trabalhos evangelísticos e de revitalização de igrejas já em andamento. Nosso objetivo como Sedac é fazer esse projeto conhecido entre o público infanto-juvenil e ajudá-los a contribuir financeiramente para a evangelização das crianças e pré-adolescentes dessas ilhas.

Ajude-nos a ensinar às crianças e pré-adolescente a amar a obra missionária! Ore por esta campanha e mobilize sua igreja para também contribuir, a final é a vontade do Senhor que todos ouçam a Sua Palavra, e assim deem glória o Seu nome: “Deem glória ao Senhor e nas ilhas proclamem seu louvor.” (Isaías 42.12)

Miss. Suely Lima Chaves
Sec. Executiva – SEDAC
Informações: (99)98801-6056